O inglês é a língua do mundo, contudo, no Brasil, de acordo com estatísticas da British Council, 95% da população não fala o idioma e dentre a minoria dos falantes, apenas 1% tem fluência na língua. Referido panorama realmente não é muito animador, no entanto, o interesse pelo inglês, devido a pandemia aumentou, com muitas pessoas aproveitando o tempo em casa para buscar aprendê-lo, o que fez crescer a oferta de cursos de inglês mais baratos.

Com essa nova perspectiva nacional, mas também, em virtude da crise econômica, separamos os cursos de inglês mais baratos e faremos uma breve análise deles para que você possa compreender melhor a sua metodologia, vantagens e a relação custo-benefício. Assim, se você não sabe nada acerca dos cursos de inglês disponíveis, fique tranquilo, pois, lhe ajudaremos a encontrar a melhor opção!

Qual a importância de estudar inglês?

O inglês realmente abre portas. Embora a maioria das pessoas se atenha apenas ao aspecto profissional, o idioma pode também auxiliar quanto as carreiras acadêmicas – já que é requisito para mestrados/doutorados, concursos públicos e para a vida pessoal, uma vez que em viagens é a língua que ajudará na comunicação entre indivíduos de nacionalidades diferentes, trazendo novas perspectivas e amizades.

Outro aspecto relevante é que ele é a língua na qual estão compiladas as traduções ou até mesmo conteúdos originais das mais diversas áreas, de modo que, compreendê-lo ajuda a ampliar os horizontes nos estudos e nas especializações, tendo em vista que se terá acesso aos melhores e mais atualizados materiais.

Veja quais são os cursos de inglês mais baratos

O Brasil é um dos países que mais possui escolas de inglês, também crescendo o número de cursos on-line nos últimos anos. Desta maneira, é um amplo mercado, com metodologias variadas, vantagens e desvantagens, focadas no aspecto da língua, mas também em objetivos mais específicos como trabalho, viagens ou carreira acadêmica.

Desta maneira, visando auxiliá-lo na sua escolha, separamos um breve resumo sobre os cursos de Inglês mais baratos, alguns até gratuitos, em que abordaremos um pouco sobre a metodologia, vantagens e a relação custo-benefício deles. Abaixo estão algumas das opções disponíveis no mercado:

Centro de Estudos de Línguas (CEL) (gratuito)

Programa instituído pelo governo de São Paulo, proporciona aos alunos da rede estadual (seja ensino fundamental, médio ou Ensino de Jovens Adultos (EJA), acesso ao aprendizado de qualidade do inglês de modo gratuito e simplificado. Além deste idioma, há ainda várias outras opções disponíveis conforme a demanda da região, bastando o interessado procurar no site, a unidade mais próxima de sua residência.

Geralmente as unidades estão localizadas nas escolas e é uma ótima oportunidade para o aluno procurar novos conhecimentos, além da educação regular, principalmente em regiões que não há muitas opções de trabalho ou lazer.

Utah State University (gratuito)

Oferecido por uma das universidades mais renomadas do mundo, é, sem dúvidas, um curso que agrega ao currículo. No entanto, ressalta-se que ele é focado aos alunos que já tem um nível um pouco mais avançado, pois investe na parte redacional do inglês (writing).

Para quem não sabe, o writing é muito importante na área corporativa já que geralmente o profissional terá que ter contato com filiais de outros países, além é claro, da área acadêmica em que terá que produzir conteúdos em outros idiomas para completar os requisitos.

YouTube Edu (gratuito)

Dentre várias opções de cursos de Inglês mais baratos, a plataforma Youtube Edu realmente não pode ser esquecida. Fruto de uma parceria entre a Fundação Lemann e o Google do Brasil, oferece ensino de qualidade em várias áreas do conhecimento, sendo avaliada positivamente por especialistas, principalmente no que dispõe sobre o inglês.

Vale ressaltar que o Youtube em si, também está cheio de conteúdos que auxiliam na aprendizagem, com aulas de diversos professores – tanto brasileiros quanto estrangeiros – dicas, atividades e canais focados no ensino do inglês que com certeza, são muito válidos e instrutivos a quem deseja ficar sempre atualizado.

Duolingo (gratuito)

Aplicativo gratuito, ganhou ainda mais popularidade e adeptos na pandemia. Baseia-se na repetição de lições e no ensino por intermédio da gameficação, utilizando-se de níveis, rankings recompensas e privilegiando as disputas saudáveis que acontecem entre os usuários em prol de uma melhor pontuação.

Vale ressaltar que o aplicativo também conta com alguns itens pagos com mais recursos de aprendizagem, mas no geral, é uma ótima plataforma para se conectar ao estudo de outro idioma e também aos amigos, já que você pode compartilhar e competir com as pessoas próximas.

English Live

Ainda que não seja gratuito, está entre um dos cursos de inglês mais conhecidos e certificados no mercado. Possui planos acessíveis que garantem o ensino do básico até o avançando, além de preparação para TOEFL e o TOEIC e opções de inglês técnico focados em áreas especificas.

Sua metodologia ainda conta com um teste de nivelamento que auxilia o aluno a ir direto ao ponto correto de aprendizagem, ao invés de perder tempo com aquilo que já sabe, o que pode desmotivar, além de comprometer os resultados.

Coursera

O acesso a maioria do conteúdo em si é gratuito, porém, a certificação é paga. Ainda assim, é uma das melhores opções do mercado devido ao rol de instituições parceiras e conteúdo que é ministrado pelos melhores professores, sendo também ótimo para quem tem propósitos específicos, principalmente em relação a profissão.

Salienta-se que o Coursera também tem muitos outros conteúdos, das mais diversas áreas e é uma plataforma muito bem estruturada e que agrega ótimas referencias ao currículo, independentemente de qualquer certificação que o aluno possa vir ou não comprar.

SEDA College

Iniciativa que nasceu na América latina, vem ganhando espaço no contexto nacional. Foca em vídeos já gravados e que são disponibilizados na integra para seus alunos. Possui planos bem acessíveis, nas modalidades mensal, semestral e anual que liberam todas as funcionalidades da plataforma. Outro bônus é que com a assinatura, também se ganha gratuitamente um curso de espanhol.

É sem dúvida, uma idéia que prosperará muito, ainda mais nesse período de pandemia e que garante um conhecimento de qualidade aos alunos, proporcionando outra opção, que é o espanhol, o que apenas une o útil ao agradável, já este é o segundo idioma mais procurado e utilizado no mercado de trabalho.

CNA Go

Que o CNA é uma das maiores escolas do país, isto não se dúvida, no entanto, com o CNA Go, o aluno tem acesso a conteúdo exclusivo não só do site, mas também pelo aplicativo, sem burocracia, uma vez que não há fidelidade, multa por cancelamento do contrato ou taxas de matrícula, além é claro de um preço bem acessível.

É um ótima opção para quem não tem tanta confiança em plataformas digitais, pois importa os conhecimentos já certificados das escolas físicas e garante a mesma qualidade, além de poder ser o ponta-pé para quem deseja começar nesse mundo digital, já que é bem fácil acessar e utilizar.

Conheça mais do Curso Online de Inglês do CNA, uma das maiores escolas de inglês do Brasil

Overseas

Desenvolvida pela professora Tatiana Santos, o Overseas se propõe a ensinar inglês ao aluno, do básico ao avançado, em apenas 18 meses. Outra vantagem é que a aluno é acompanhado por professores e as aulas são ao vivo, porém, disponibilizadas em vários horários de modo que é fácil adaptar a rotina.

Impacto Cursos

Concorrente do Coursera, a plataforma oferece cursos de inglês do básico ao avançado ministrados pelos melhores profissionais e focado em áreas especificas. A vantagem é que o aluno paga um valor fixo, de acordo com o nível curso, mas que são bem menores comparados a outras instituições e plataformas, podendo ter acesso a todo o conteúdo exclusivo.

O bom da plataforma é que ela está em português e é brasileira, o que também ajuda a privilegiar as iniciativas nacionais de ensino do idioma. Outro ponto relevante é que seu layout é simples e intuitivo, o que ajuda o aluno a focar no principal que são nas aulas e no conteúdo a ser absorvido.

Fluencypass

Com uma metodologia integrada, que visa mesclar o teórico com o prático, a Fluencypass garante acesso 24 horas, 7 dias por semana, a uma escola de idiomas online, com aulas, conversação e intercâmbio. É bem simples: O aluno realiza uma assinatura mensal e ao fim de doze meses, pode ter acesso a um intercambio dentre 8 países disponíveis.

Ou seja, dentre os cursos disponíveis on-line, é aquela que mais se aproxima de uma escola física, além de garantir uma experiência real de aplicação de conceitos, já que o aluno irá para outro país para explorar suas habilidades e se conectar a outras pessoas/culturas, rompendo, literalmente as barreiras do idioma.

Na dúvida entre fazer um Curso de Inglês ou Intercâmbio? Faça os dois e chegue a fluência ainda mais rápido!

Plural Idiomas

Em relação aos cursos de Inglês mais baratos, o ensino da Plural Idiomas é aquele que se aproxima mais dos jovens, tendo em vista que foca no aprendizado por meio de filmes, séries e músicas. Acredita-se que o domínio do inglês é um objetivo muito relevante, mas que não deve ser entediante, de modo que também deve ser uma experiência divertida e construtiva.

Sendo interativa, realmente se garante que o aluno não se canse do conteúdo e seja compelido a entender melhor os conceitos, proporcionando também algo bem mais personalizado e atual do que simplesmente ler e ouvir teorias repetitivas como acontece no ensino regular e em algumas escolas de idiomas tidas como tradicionais.

Open English

Semelhante a English Live, ela também tem um teste de nivelamento que ajuda a filtrar e otimizar o tempo de aprendizado do aluno. As aulas são ao vivo e ocorrem de meia em meia hora, sendo focadas principalmente no aspecto gramatical e na escrita inglesa.

O aluno também tem acesso ao feedback do professor ao final da aula, o que o auxilia a tirar suas dúvidas e compreender os pontos que tem mais dificuldade para que possa se desenvolver de forma mais efetiva e se corrigir com mais rapidez.

Italki

Esta opção é para quem já tem um nível intermediário ou avançado e quer apenas focar na conversação ou em um objetivo especifico. Com ele você terá acesso a um rol de professores e falantes dos mais diversos locais do mundo, sendo os preços estipulados pelo professor, portanto, recomendável uma conversa prévia sobre os detalhes.

Ou seja, é uma plataforma que apenas aproxima os interessados em aprender e em ensinar, contudo, também muito eficiente já que o aluno saberá exatamente pelo o que está pagando e qual conteúdo terá acesso, ponderando melhor seu custo-benefício.

Cambly

Parecido com a Italki, porém com valores fixos, ela também é focada na conversação entre falantes e professores, com a opção de gravação para que o aluno tenha a liberdade e facilidade de assistir em outro momento ou quando achar necessário.

Como escolher o melhor curso para você?

A escolha do curso ideal tem que levar em consideração a metodologia que mais se adapta as necessidades do aluno, tanto em relação ao tempo quanto em relação a maneira que torna a aprendizagem melhor. A dica, além de você fazer uma procura em relação aos preços, é também se ater a quais são seus objetivos no aprendizado, isto é, seria para o trabalho, meio acadêmico ou lazer?

A par disso e tendo conhecimento de como será o ensino, você terá mais confiança em escolher, levando em consideração o custo-benefício e em como você poderá se aprimorar por si só, em seus estudos além das plataformas e cursos.

Ao longo deste texto mostramos os mais relevantes aspectos dos cursos de inglês mais baratos, abordando um pouco de suas metodologias, diferenças, vantagens e desvantagens. Elencamos também algumas opções gratuitas disponibilizadas por iniciativas públicas e privadas, a demonstrar que também existem boas opções grátis, além de dar algumas dicas de como você pode escolher o melhor curso dado as suas necessidades de tempo e aprendizado.

Gostou deste texto? Você tem interesse em realizar algum desses cursos ou já o fez? Quer saber mais sobre o assunto? Então continue acompanhando o site para mais informações!


Homero Carmona

Viajante, pisou na Irlanda em 2008 para a experiência que mudou completamente a sua vida, o intercâmbio. Desde então viajou o mundo e se dedica inspirar mais pessoas a desbravar este mundão maravilhoso!